Velório das vítimas do atentado a escola, reúne milhares de pessoas em Saudades



O velório das cinco vítimas mortas no atentado à escola infantil Pró-Infância Aquarela em Saudades, em Santa Catarina, começou por volta das 23h da última terça-feira, 4, no Parque de Exposições Theobaldo Hermes, onde funciona o ginásio da cidade.


As cinco vítimas são três crianças, uma professora e uma agente educativa. Os corpos chegaram por volta das 3h. Às 4h da madrugada desta quarta-feira, 5, familiares e amigos dos mortos fizeram uma pequena celebração. Às 9h estava prevista uma missa de corpo presente no local. As informações são do G1.


Sobre o caso, sabe-se que um homem de 18 anos invadiu a escola Aquarela com duas facas às 10h de ontem, terça-feira, 4. A creche fica na cidade de Saudades e atende crianças de 6 meses a 2 anos. Pelo menos 20 crianças estavam no local sob os cuidados de 5 professoras.


Todas as vítimas foram atingidas com, pelo menos, cinco golpes de facão. O assassino tentou entrar em todas as salas da creche, mas professoras conseguiram se trancar e proteger as crianças. Na casa do assassino, a polícia encontrou R$ 11 mil e duas embalagens de facas novas. A única sobrevivente ao ataque é uma criança de 1 ano e 8 meses, que está na UTI.


Luto


A governadora do estado de Santa Catarina, Daniela Reinehr, decretou luto oficial de três dias. "Manifesto profunda tristeza e presto minha solidariedade. Determinei que o Governo dê todo o amparo necessário às famílias", escreveu a governadora.

Decreto luto oficial de três dias no Estado após a tragédia em Saudades, onde morreram crianças e professoras de um centro de educação infantil. Manifesto profunda tristeza e presto minha solidariedade. Determinei que o Governo dê todo o amparo necessário às famílias.

— Daniela Reinehr (@DanielaReinehr) May 4, 2021

As vítimas são Keli Adriane Aniecevski, de 30 anos, professora que dava aulas na unidade havia cerca de 10 anos; Mirla Renner, de 20 anos, agente educacional na escola. Além de Sarah Luiza Mahle Sehn, de 1 ano e 7 meses; Murilo Massing, de 1 ano e 9 meses e Anna Bela Fernandes de Barros, de 1 ano e 8 meses.




Postagem Anterior Próxima Postagem